Logo
PROJETO SONS DO CANTEIRO LEVA CONSCIENTIZAÇÃO E MÚSICA CLÁSSICA AOS MESTRES DE OBRA

O projeto Sons do Canteiro é realizado em ateliês de música montados em oito obras de São Paulo e Rio de Janeiro, que recebem 39 mestres

Após o projeto Olhares Sustentáveis no Canteiro, realizado em 2014 (saiba mais aqui), neste ano a Even lançou Sons do Canteiro, que oferece aos mestres a oportunidade de criar instrumentos musicais com resíduos encontrados na própria obra, aprender a tocá-los e ainda conhecer um pouco mais sobre o universo da música clássica.

Os mestres de obra têm um papel fundamental como multiplicadores de práticas sustentáveis nos canteiros. Por isso, desde o ano passado a Even realiza um trabalho especial com esses profissionais, com o objetivo de capacitá-los e desenvolver habilidades para que eles possam exercer essa função de forma ainda mais efetiva.

Transformação de materiais

O projeto Sons do Canteiro é realizado em ateliês de música montados em oito obras de São Paulo e Rio de Janeiro, que recebem 39 mestres. Durante as oficinas, ministradas por profissionais da Oscip Mestres da Obra, é feita uma introdução à música clássica e a experiências sonoras a partir da percepção dos sons do canteiro. Em um passeio pela obra, os mestres, com o auxílio dos oficineiros, recolhem resíduos que serão reutilizados para a criação de instrumentos musicais.

Para ampliar e fortalecer o desenvolvimento cultural e musical dos mestres, o projeto ainda prevê a ida a um ensaio da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, para que eles possam vivenciar e participar do dia a dia de uma orquestra profissional.

“Nosso objetivo é que eles usem os resíduos do canteiro nas atividades para que tenham um entendimento mais amplo sobre a origem e o potencial de reaproveitamento desses materiais. Assim também eles podem adquirir novas perspectivas a respeito de si mesmos e de sua relação com o local onde trabalham”, afirma Flavia Lafraia, gerente de Sustentabilidade da Even.

Engajamento dos engenheiros

Sabemos que os engenheiros de obra são um público relevante para o sucesso desse projeto. Por isso, antes de dar início às oficinas, também foi feito um trabalho de engajamento desses profissionais, destacando a importância da iniciativa e da integração das ações do projeto na rotina da obra. O compromisso de cada engenheiro foi firmado com a assinatura de uma carta em que ele assume seu papel como facilitador dos processos e incentivador das atividades.